CONHEÇA OS PRINCIPAIS PONTOS DE ATENÇÃO AO COMPRAR UM SEMINOVO.

/
anúncio
Advertisement

CONHEÇA OS PRINCIPAIS PONTOS DE ATENÇÃO AO COMPRAR UM SEMINOVO

Advertisement

Contanto que você tenha em mente alguns cuidados básicos, comprar um carro usado pode ser uma boa escolha.

Advertisement

Se você quer trocar de carro, mas o radar e a possível distância de você são zero, comprar um carro usado pode ser a solução. As principais vantagens são economia, menor depreciação e seguro mais barato. Mas como ter certeza de fazer um bom negócio?

Esta é a pergunta mais comum entre as pessoas que procuram informações sobre carros usados. É essencial fazer um inquérito.

Advertisement

Por isso, a Mercado Automotivo preparou algumas dicas básicas para você entender antes de finalizar a transação.

AO COMPRAR UM SEMINOVO, NÃO TENHA PRESSA

Esta técnica é aplicável a carros novos e usados.

Muitas pessoas que compram carros com dinheiro para economizar dinheiro tendem a fazer escolhas sem muita consideração. Há uma grande chance de arrependimento nessas situações.

Advertisement

Por favor, seja paciente, pesquise, compare, experimente, pesquise novamente, converse com outros motoristas, busque referências, negocie e então conclua um negócio. Investimentos mais altos, como a compra de um carro, exigem atenção a esse nível.

SAIBA QUAIS SÃO OS CARROS MAIS DESEJADOS – E OS QUE NINGUÉM QUER

Mesmo que você não tenha planos de revender o carro em um futuro próximo, é uma boa ideia avaliar a reputação do modelo em estudo. Se for o carro mais popular, significa que tem alto potencial e valor de revenda, mas você pode ter que pagar um preço mais alto.

A mesma lógica se aplica a carros menos populares. Às vezes, como os vendedores ficam presos nos revendedores, eles oferecem ofertas e descontos muito atraentes. Neste caso, avalie quais são os seus objetivos e se (ou quando) pretende revender os produtos usados ​​que comprou.

INVISTA EM UMA EXPERIÊNCIA PRÉVIA COM O CARRO

Se você está pensando em comprar um modelo que ainda não foi conduzido, você precisa de mais informações antes de tomar uma decisão. Nesse caso, o test drive tradicional pode não ser suficiente, pois o tempo e a distância que você passa no carro são muito limitados.

Você pode alugar um carro do mesmo modelo e verificar seu funcionamento diário. Uma boa técnica é procurar veículos mais antigos do que aquele que você está pesquisando para avaliar como a situação muda com o tempo.

SAIBA BEM DE QUEM VOCÊ ESTÁ COMPRANDO

Ao comprar de um distribuidor de boa reputação, você pode ficar tranquilo quanto à origem, estado geral e demais garantias na relação comercial.

No momento de comprar de uma pessoa física, você não sabe (por exemplo, se você não é parente ou amigo próximo), é importante verificar todos os documentos, mesmo que não seja um veículo roubado. Consulte também um mecânico de confiança e não leve para casa um carro que só vai lhe causar problemas no futuro.

3 DICAS-CHAVE PARA FAZER UM BOM NEGÓCIO AO VENDER CARRO SEMINOVO

Vender um carro requer um pouco de conhecimento do mercado. Você não precisa ser um especialista na área, mas as informações mínimas o ajudarão a não perder na negociação de carros usados ​​ou carros usados.

Você pode navegar na loja ou finalizar a compra diretamente com os indivíduos. Claro, ao realizar todos os processos, isso depende muito de suas necessidades e segurança

. Portanto, para facilitar a sua decisão entre as possíveis formas de marketing, preparamos as 3 dicas a seguir.

CONCESSIONÁRIA, VENDA DIRETA OU LEILÃO ONLINE?

Bem, depende da sua pressa em se desfazer do bem. Vender carro, por vezes, pode ser uma jornada um tanto demorada. Desta forma, seu objetivo é quem ditará a maior vantagem.

DIRETO COM O COMPRADOR

Ao negociar diretamente com o comprador, o benefício de fazer isso é financeiro – consulte a tabela da Fipe ou o site da KBB Brasil e confira as tarifas do veículo. No entanto, o tempo até a conclusão pode atrasar seu plano. Além disso, nem sempre é possível confiar nos candidatos a compradores. Eu posso ver que seu risco é alto, certo?

DICA BÔNUS PARA VENDA DIRETA

Negocie em local público e entregue o veículo somente após assinar o documento de transferência e depositar o dinheiro em sua conta. Desta forma, você pode evitar o dever do plantonista.

Leilão online

Quando se trata de leilões online, a palavra-chave é “agilidade de vendas”. No entanto, existe uma pequena desvantagem financeira.

Como é que isso funciona?

Este é um modelo de negociação cada vez mais popular no Brasil. É assim: você faz uma oferta online e o site manda as melhores sugestões para os lojistas. Depois, basta levar um carro para inspeção. Os compradores que fornecerem o valor mais alto irão aceitá-lo. É como um leilão.

Em franquia

Esta é a forma mais segura de vender um carro. Depois de concluir a transação, você pode ter a garantia de receber o pagamento imediatamente, sem dores de cabeça. Além disso, você pode substituir o carro com toda a garantia da concessionária. Geralmente, você terá muito tempo para resolver quaisquer problemas que surjam sem gastar muito tempo..

UMA SUGESTÃO

Por exemplo, a geração Seminovos é a principal referência de mercado. Em todas as compras e vendas, a satisfação do cliente é evidente, justamente pela certeza da qualidade de seus produtos e serviços.

Como está o estado do seu carro?

Não, não nos referimos à localização geográfica, mas sim às condições em que se encontra o seu veículo. O que é um histórico?

Lembre-se de que, assim como você deseja vender um carro para alguém com boa reputação, a pessoa que comprar o carro também deve acreditar que também está fazendo uma boa escolha. Emita faturas de serviços concluídos, converse sobre possíveis conflitos, verifique os comentários e seja 100% transparente ao responder as dúvidas que houver. Além disso, resolva todos os problemas não resolvidos.

ATENTE-SE ÀS BUROCRACIAS PARA VENDER CARRO

Existem muitos requisitos que precisam ser atendidos antes que a transação seja totalmente concluída. Por favor, certifique-se de reportar as vendas do veículo ao seu DMV local; leve o DUT (documento de transferência única) ao cartório e confirme a assinatura; se você achar mais prático, você pode contratar o serviço de um despachante.

Após a assinatura do DUT, o comprador terá 30 dias para fazer as alterações e solicitar a transferência para seu nome. Caso contrário, será cobrada uma multa.

Advertisement
anúncio

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
This div height required for enabling the sticky sidebar