Confira alguns detalhes sobre os carros elétricos e conheça os benefícios

PUBLICIDADE

Investimentos de bilhões de dólares e projetos cada vez mais eficientes comprovam que a eletrificação dos automóveis é um caminho sem volta e as vendas de veículos elétricos e híbridos no Brasil cresceram exponencialmente. Segundo dados da Associação Brasileira de Veículos Elétricos (ABVE), na comparação com os resultados de 2019, houve um aumento de 66,5%. Ao longo de 2021, foram vendidas 19.745 unidades.

Empresas do setor de autopeças fizeram previsões e investimentos no futuro dos veículos elétricos. Um deles é a BorgWarner, que anunciou o projeto “Charging Forward”, que tem como principal objetivo aumentar a receita gerada pelo fornecimento de peças para veículos elétricos dos atuais 3% para aproximadamente 45% até 2030. Outro objetivo é expandir os negócios no campo de veículos comerciais elétricos, em rápido crescimento e potencial. Ao promover esse desenvolvimento, a BorgWarner se comprometeu a continuar investindo em veículos com motor de combustão interna.

Confira os principais benefícios dos carros elétricos:

Menos poluente

Na comparação com os modelos tradicionais, a geração de CO₂ é reduzida em aproximadamente 33% durante a vida útil do veículo.

Mais silencioso

Os motores movidos a gasolina e outros combustíveis fósseis são mais barulhentos, causando um impacto muito maior nas cidades. Os motores elétricos são tão silenciosos que a União Europeia criou uma lei que obriga as montadoras a inserirem um ruído artificial nos seus carros. Esse barulho deve surgir, especialmente, quando o carro está se movendo em baixas velocidades, para evitar que deficientes visuais sofram acidentes.

Mais eficientes

Dirigir em um engarrafamento é muito mais econômico em um carro elétrico. Isso porque o motor consome energia de forma mais eficiente nos momentos de aceleração e desaceleração. A eficiência do carro elétrico chega a ser de 90%, no que diz respeito ao consumo de energia.

Menor custo de abastecimento

A energia elétrica, em geral, é mais barata que os combustíveis fósseis. Dessa forma, o custo para abastecer um carro elétrico é potencialmente menor do que os valores dispendidos para manter um veículo tradicional rodando.

É verdade que a autonomia do carro elétrico ainda pode melhorar bastante, para que não precise ser recarregado tão frequentemente. Porém, avanços já são percebidos no mercado. Outro fator importante é que, além de o custo ser menor para abastecer, são eliminadas outras despesas como troca de óleo, por exemplo. Os motores elétricos não demandam o uso desse tipo de produto. Todas essas mudanças somadas reduzem em aproximadamente 50% o custo de um carro por quilômetro rodado.

Menor custo tributário

Além da redução no uso de combustíveis, o carro elétrico também tem um custo menor na hora de pagar o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Há programas neste sentido em alguns estados brasileiros, que incentivam e estimulam tanto a indústria quanto os consumidores.

Menor custo de manutenção

Outra grande vantagem do carro elétrico é o menor custo de manutenção. Como o motor é bem mais simples do que o de um veículo tradicional, é muito mais difícil que um problema ocorra. Estudos indicam que os custos de manutenção de um carro elétrico são 20% menores do que um tradicional. E em caso de conserto, os valores são, em média, 15% mais baixos.

PUBLICIDADE

  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
This div height required for enabling the sticky sidebar